#Investimentos
Como pais e filhos podem investir na vida financeira JUNTOS?
19 de agosto de 2020
Como pais e filhos podem investir na vida financeira JUNTOS?

São muitos os sonhos que pais e filhos constroem ao longo da vida. É verdade que é um baita desafio realizá-los, mas quando eles conseguem, fortalecem ainda mais a união em família. Descobrir semelhanças e diferenças na hora de trabalhar em conjunto para concretizar um objetivo é puro aprendizado e no mundo das finanças isso não seria diferente. Almejar um futuro confortável para sua família é natural, assim como enfrentar dificuldades que possam aparecer no meio do caminho. 


Mas é claro, não faltam opções na hora de pensar em atividades financeiras que pais e filhos possam começar juntos. Investir é uma delas, embora você possa estar pensando que não sabe muito sobre investimentos e prefere não arriscar. Porém, você precisa saber que investir não é um bicho de sete cabeças. Com foco, planejamento e paciência, começar essa atividade pode ser bem mais simples do que você imagina. 


Que tal começar a se preparar para investir no sonho da sua família hoje? Estamos aqui para dar aquela força a pais e filhos com algumas dicas que podem trazer segurança e um futuro com estabilidade financeira para sua família.


1. A personalidade na hora de lidar com o dinheiro

Conservador, moderado ou arrojado? Também conhecido como suitability, essa é uma forma de descobrir qual é o seu perfil de investidor e no Sicredi você pode realizá-lo, podendo ainda baixar um guia completo e gratuito sobre o jeito de investir que mais combina com você. A principal característica que diferencia os três perfis é a disponibilidade em se aventurar nas finanças, na busca de melhores rentabilidades.


Lembre-se de que o ideal é que pai e filho estejam na mesma sintonia, já que estão nessa juntos para realizar o objetivo em comum. Após identificarem o tipo que atende melhor às necessidades de ambos, será a hora de saber tudo sobre ele.

1.1. Conservador


Este tipo busca a segurança em primeiro lugar e prefere optar por uma rentabilidade que, embora menor, seja mais garantida, mesmo que existam chances de obter bons rendimentos em investimentos que apresentam maiores oscilações.


1.2. Moderado


É o tipo de investidor em equilíbrio entre os outros dois perfis. Pretende ousar nas finanças em alguns momentos na busca de uma maior rentabilidade, mas também é meio apegado à segurança que o conservadorismo proporciona. 


1.3. Arrojado


Quem possui este perfil costuma ser mais experiente no mundo dos investimentos e sabe como ousar na hora de conseguir maiores rendimentos. Para este tipo, aventurar-se faz parte diante da realização de objetivos para alcançar melhores resultados.


2. Alguns tipos de investimento 


2.1. Bolsa de Valores


As possibilidades aqui são muitas, embora a garantia deixe a desejar em comparação com investimentos mais conservadores. Quem tem um perfil arrojado pode se dar muito bem, pois a rentabilidade pode ser bastante elevada. Porém, conta com muitas flutuações, inclusive em um único dia.


2.2. Consórcios 


Os Consórcios funcionam como uma espécie de poupança programada, sendo uma modalidade de crédito segura que proporciona diversas possibilidades e objetivos. É possível antecipar a contemplação ao longo do tempo de contrato a partir de sorteios mensais ou lances (fixos e livres) para conseguir a liberação da carta de crédito e, assim, a aquisição do seu bem desejado. Para saber mais sobre consórcios, clique
aqui. 


2.3. Fundos de Investimento


Vocês estão querendo investir em aplicações sem prazo de vencimento, com liquidez diária, ainda podendo contar com várias opções para isso? Os Fundos de Investimento podem ser uma opção e nem é necessário administrar de perto. Um profissional experiente é quem faz a gestão relacionada aos ativos da carteira. 


Os custos também são mais baixos, já que a carteira é formada por grupos de investidores que unem seus recursos e investem, também garantindo que
todo o retorno será distribuído entre eles. Compare os mesmos tipos de fundo disponíveis e o valor inicial, a liquidez, a taxa de ADM e a rentabilidade deles, ou seja, quanto um determinado fundo rendeu nos últimos anos (no mínimo 24 meses). Para saber mais sobre Fundos de Investimento, clique aqui


2.3.1. Fundos de Renda Fixa


Com eles, você conta com diversidade em suas aplicações financeiras baseadas em estudos do mercado, além de oferecer comodidade e segurança.


2.4. Poupança


A aplicação financeira mais tradicional que existe, pois garante maior segurança e liquidez diária. A Poupança funciona de uma forma muito simples, fazendo seu dinheiro render todo mês e possuindo regras estabelecidas pelo Banco Central.


3. Reserva de Emergência

Falar sobre investimento e família sem pensar em Reserva de Emergência é um erro grave, assim como não devemos confundir a Reserva com uma Poupança. Ela é essencial para trazer a tranquilidade que vocês precisam ter na hora de aplicar o dinheiro em investimentos e acumular patrimônio. 


A Reserva de Emergência facilita a administração dos investimentos por ter um valor sempre disponível em caso de necessidades urgentes. O ideal é que ela tenha uma quantia de, pelo menos, seis meses do seu custo de vida. Deve ser armazenada em uma aplicação de liquidez imediata, caso você precise de retirada rápida da quantia. Para entender como usar sua Reserva de Emergência, clique
aqui


4. Planejamento familiar

É fundamental se planejar e definir bem os objetivos, assim como o capital que vocês pretendem investir. Dessa forma, saberão bem quais são as alternativas que estão de acordo com os planos de vocês. Determinem o período de tempo que irão manter para cada um dos investimentos e calculem os possíveis ganhos e as perdas que podem vir a ter. 


Acompanhem juntos cada etapa e o desempenho das ações, principalmente se forem investimentos de curto prazo: estudar o mercado é muito importante nesse processo.  


Por fim, escolher onde, quando e como investir pode parecer difícil, ainda mais se você fizer tudo sozinho. Contar com o apoio do seu parceiro de vida deixa tudo mais simples nessa caminhada. Melhor ainda se vocês escolhem uma instituição ideal para apoiar e andar junto com vocês. Conte com a gente nessa jornada de melhores escolhas para a vida financeira!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

Este texto possui 0 comentário(s)